quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Adaptação cinematográfica de "O Estrangeiro", por Visconti

O Estrangeiro, de Albert Camus, foi adaptado ao cinema por Visconti, em 1967.


Meursault, um francês a viver na Argélia, mata um árabe na praia, num momento de lapso mental. Levado a julgamento, tem dificuldades em explicar o que motivou o seu crime.

Visconti, prestigiado realizador italiano, fez, em 1967, uma fiel versão cinematográfica do espetacular livro O Estrangeiro do romancista-filósofo franco-argelino Albert Camus, ele mesmo um pied-noir, ou seja , um "pé-negro francês" que vivia no Magreb (a Africa árabe do Mediterrâneo), daí o seu conhecimento de causa.

O assassínio narrado no  livro já foi interpretado de inúmeras formas. Ainda assim, trata-se de uma obra magnífica, de diálogos aforismáticos e de teor existencialista, mostrando uma pessoa (talvez o próprio Camus ) que vive de forma despropositada num mundo sem sentido, e nem sequer se preocupa com isso, apenas com o que a vida lhe entrega a cada momento.
Quem tem inclinações filosófico-epicuristas com certeza vai gostar muito deste filme.


Título orginal : Lo Straniero

Ano : 1967

Realizador : Visconti

País : Itália / França / Argélia

Prémios : Venice Film Festival / Rome Film Festival / Globo de Ouro


Veja um excerto do filme aqui

A professora: Maria Alberta Fitas

Sem comentários:

Publicar um comentário