segunda-feira, 11 de maio de 2020

Advogada e cigana, um rosto do princípio da mudança


CIDADANIA:
«Alcina já se sente preparada para ser um rosto de mudança. Entende que dar a cara mostra que é possível ser cigana, respeitar as tradições e estudar, conciliar a vida pessoal, a vida familiar e a vida profissional, como fazem milhões de não-ciganas.»
Ler reportagem do Público Aqui

Sem comentários:

Publicar um comentário